O que é a Deep Web

A Deep Web compõe cerca de 99% do total de conteúdo presente na Internet. Neste vasto espaço virtual escondido, encontram-se inúmeras atividades ilegais.

A Deep Web (Web oculta) é a grande parte da Internet que é inacessível para os motores de busca convencionais. O conteúdo da Deep Web inclui mensagens de e-mail, mensagens de chat, conteúdo privado em sites de notícias sociais, extratos bancários eletrónicos, registos de saúde eletrónicos e todo o restante tipo de conteúdo que seja acessível através da Internet, mas que não é rastreado e indexado pelos motores de busca como a Google, o Yahoo ou o Bing.

As razões para o conteúdo da Deep Web não estar indexado nos motores de busca são variadas. Pode acontecer que o conteúdo seja privado, caso em que o mesmo só pode ser acessado por visitantes aprovados que entram através de uma rede privada virtual. Ou o conteúdo pode ser comercial, caso em que o conteúdo reside atrás de um ambiente fechado e só pode ser acessado por clientes que pagaram uma taxa. Ou talvez o conteúdo contém informações de identificação pessoal, caso em que o conteúdo é protegido por regulamentos e só pode ser acessado através de um site por indivíduos a quem tenham sido concedidos privilégios de acesso. Uma boa parte do conteúdo da Deep Web diz respeito a atividades ilegais, como venda de armas e drogas ou pornografia infantil, razão porque os criadores dessas páginas o escondem.

Não se sabe ao certo quão grande é a Deep Web, mas muitos especialistas estimam que os motores de busca apenas rastream e indexam menos de 1% de todo o conteúdo que existe na Internet. Essa parte da Internet que é rastreada e indexada pelos motores de busca é referida como a Web superficial.

Imagem: Dark Web News


Também poderão gostar