Microsoft tentou comprar o Facebook em 2010

Steve Ballmer, que era CEO da Microsoft em 2010, revelou que a empresa tentou comprar o Facebook por 24 mil milhões de dólares.

Há seis anos atrás o Facebook era mais pequeno do que é atualmente. A sua base de utilizadores era menor, as receitas também muito menores, a influência da rede social ainda era restrita. Mas mesmo assim, para Mark Zuckerberg, o potencial do Facebook era enorme, dado que ele rejeitou uma oferta de 24 mil milhões de dólares da Microsoft.

Foi Steve Ballmer, CEO da Microsoft em 2010, que revelou que as duas empresas quase se uniram quando nesse ano fez a tal proposta de compra a Zuckerberg. “Penso que ofereci 24 mil milhões $ quando o Facebook ainda era pequenino e ele [Zuckerberg] respondeu não”, disse Ballmer, acrescentando “E eu respeito isso”.

É preciso dizer que em 2010 as duas empresas tinham boas relações e, inclusive, a Microsoft foi uma das primeiras investidoras no Facebook, chegando mesmo a possuir 1,6% das suas ações na altura.

A verdade é que Zuckerberg tomou a decisão correta, dado que atualmente o Facebook vale 374 mil milhões de dólares. A Google provavelmente também suspira de alívio por o negócio ter falhado, pois uma fusão entre a Microsoft e a rede social daria origem a um titã que poderia eventualmente retirar o domínio da Internet à gigante das pesquisas.

Quanto a Steve Ballmer, atualmente é o dono de uma equipa da NBA, os Los Angeles Clippers. Durante a entrevista à CNBC em que revelou a tentativa falhada de adquirir o Facebook, Ballmer também esclareceu que nunca quis comprar o Twitter, apesar de na época ser um dos maiores acionistas desse serviço de microblogging.

Imagem: Adrenaline – Uol


Também poderão gostar