Lenovo prefere utilizar a marca Motorola nos smartphones

A Lenovo tem utilizado a sua marca nos smartphones que lança, mas a partir de agora utilizará a marca da Motorola, empresa que comprou em 2014.

A Lenovo chegou a uma conclusão: a marca Motorola vende mais do que a marca Lenovo. A Imprensa chinesa comprova isso com uma notícia recente: a Lenovo já não vai utilizar mais a sua marca no lançamento dos smartphones. A partir de agora, nesses dispositivos móveis da empresa estará a marca “Moto”, referente à Motorola que a Lenovo comprou há dois anos atrás.

Foi em 2014 que a Lenovo comprou a Motorola e desde então os seus executivos e funcionários responsáveis pelo marketing têm discutido sobre como gerir essa valiosa compra. Depois de inicialmente a empresa ter usado o logo “Lenovo” nos smartphones, a companhia agora acha que “Moto” vende mais. Por isso, agora a empresa já sabe muito bem como gerir a Motorola. E têm razão nesta escolha. Motorola é uma marca muito mais popular do que Lenovo.

Esta decisão não será apenas exibida nos dispositivos móveis. Segundo a Imprensa chinesa, a Lenovo também está a mudar altos quadros da empresa nas divisões de recursos humanos e negócios. As vendas não têm correspondido às expectativas, e por isso estas mudanças parecem fazer todo o sentido. Chegou a hora de a Lenovo retirar todo o potencial da marca Motorola.

É provável que os nomes das tablets e smartphones também mudem, para além do logótipo nesses dispositivos móveis. Nomes como “Moto X”, “Moto Z” e “DROID” passarão a ser mais utilizados.

Esta mudança será obviamente bem recebida pelos clientes da Lenovo que sempre foram grandes fãs da Motorola, uma marca que ainda hoje é mundialmente reconhecida como sinónimo de qualidade.

Imagem: Meu-Smartphone


Também poderão gostar