Cientistas criam uma bateria que carrega em segundos e dura uma semana

É um grande avanço tecnológico. O tempo em que esperamos horas pelo carregamento completo dos novos dispositivos móveis pode estar a chegar ao fim.

Uma equipa de cientistas da Universidade da Flórida Central, nos Estados Unidos, criaram uma bateria que em apenas alguns segundos é carregada e que dura uma semana antes de perder a energia. Para além disso, ela pode ser utilizada milhares de vezes e mesmo assim funcionar como se fosse nova. As previsões apontam que esta bateria supercapacitora poderá continuar funcionando cerca de 20 vezes mais tempo do que as baterias de íon-lítio atuais.

O funcionamento desta maravilha é muito simples: ela não opera através de reações químicas como as baterias tradicionais, o que fazem é armazenar energia sob a forma de eletricidade estática na superfície de um material, o que resulta num carregamento super rápido.

Apesar da descoberta, não significa que elas estejam brevemente nas lojas. Trata-se apenas de um protótipo criado em laboratório, são ainda necessárias várias alterações para que cumpram os requisitos de segurança. Muitas experiências ainda têm que ser feitas. Mas quando estiver tudo pronto, esta bateria será a solução para o grande problema que preocupa atualmente o mercado dos smartphones, que é o facto de que as melhorias na sofisticação destes dispositivos não são acompanhadas por uma bateria suficientemente duradoura que as consigam suportar.

Mas a bateria servirá igualmente para trazer benefícios a outras áreas da tecnologia, como por exemplo os carros elétricos. Se estes fossem carregados em apenas alguns minutos, e não horas como atualmente, certamente que muitas mais pessoas optariam por eles em detrimento dos veículos movidos a combustíveis fósseis, o que resultaria numa enorme contribuição para a sustentabilidade do planeta. Esta bateria poderá vir a ser também a solução para esse problema.

Imagem: TudoCelular.com


Também poderão gostar