Um milhão de alemães ficaram sem Internet no fim de semana

Um ataque da botnet Mirai fez com que cerca de um milhão de pessoas na Alemanha ficasse sem acesso à Internet no último fim de semana.

As informações indicam que foram 900 mil pessoas que ficaram sem poder aceder à Web na Alemanha no último fim de semana, mas outras fontes indicam que foram mesmo um milhão de internautas. O responsável foi o botnet Mirai, que lançou este ataque para lançar o caos. Felizmente, o dano não foi maior.

A entidade baseia-se na Internet das Coisas e conseguiu deixar offline um milhão de alemães, enquanto que muitas outros enfrentaram problemas de lentidão e instabilidade no acesso à rede virtual.

A Deutsche Telekom informou o órgão noticioso AFP sobre este ataque, afirmando que o mesmo teve origem em roteadores localizados fora do alcance da sua rede. A empresa acrescentou que certos modelos específicos de roteadores foram alterados através de um software que os impediu de fazer a ligação com a infraestrutura da operadora durante o ataque.

A Mirai anunciou que o propósito deste ataque foi angariar mais gadgets para poderem proceder a uma ofensiva maior num futuro breve. Esta entidade maliciosa opera a partir de dispositivos pertencentes à Internet das Coisas. Estes, ao serem invadidos com malwares, podem ser controlados de forma remota pelos membros da Mirai e de outros grupos que pretendem causar danos na rede virtual.

Este tipo de ataques, baseados na Internet das Coisas, irão tornar-se cada vez mais comuns no futuro. A interligação entre o mundo real e o mundo virtual está a esbater-se, pelo que pessoas mal intencionadas podem, cada vez com mais força, afetar o nosso quotidiano, quer online quer offline.

Imagem: The Hacker News


Também poderão gostar