WhatsApp deixará de funcionar em smartphones antigos

O WhatsApp, que pertence ao Facebook, informou que deixará de fornecer suporte a alguns dispositivos até ao final do mês de dezembro.

As conversas que mantém no WhatsApp poderão ficar indisponíveis em breve, pelo que se recomenda que as transfira para outro serviço de mensagens instantâneas ou que faça um backup delas. Está previsto a plataforma deixar de fornecer suporte a alguns equipamentos nestes dias até ao fim de 2016.

O que acontecerá é que o WhatsApp vai deixar de suportar a sua plataforma em telemóveis e smartphones antigos, para o dedicar inteiramente aos novos dispositivos. Não será mais possível enviar ou receber mensagens ou fazer videochamadas na aplicação, caso a utilize através de aparelhos que não são recentes.

Esta decisão já tinha sido anunciado no longínquo mês de fevereiro, precisamente quando o WhatsApp comemorou 7 anos de existência. O Facebook informou na altura que a sua aplicação deixaria de suportar, lá para o fim do ano, versões antigas do Android e iOS, bem como telemóveis ou smartphones das marcas Nokia e BlackBerry.

A aplicação também deixará de estar disponível no iPhone 3GS, no Windows Phone 7 e em telemóveis com Android 2.1 ou Android 2.2, dado que o software atual em que o WhatsApp opera é radicalmente diferente daquele que imperava há 7 anos atrás.

A empresa deixou o seguinte comunicado no seu blogue oficial: “À medida que olhamos para os próximos sete anos, queremos concentrar os nossos esforços nas plataformas móveis que a grande maioria das pessoas utiliza. (…) Por isso, até o final de 2016, daremos por terminado o suporte para o WhatsApp Messenger em algumas plataformas móveis. (…) Embora esses dispositivos móveis tenham sido uma parte importante da nossa história, eles não oferecem o tipo de recursos que precisamos para expandir os recursos da aplicação no futuro. (…) Esta foi uma decisão difícil para nós, mas é o caminho certo para dar às pessoas melhores formas de manter contato com amigos, familiares e entes queridos usando o WhatsApp. (…) Se você usa um desses dispositivos móveis afetados, recomendamos que mude para um novo Android, iPhone ou Windows Phone antes do final de 2016 para continuar a utilizar o WhatsApp”.

Imagem: AndroidPIT


Também poderão gostar