YouTube pagou mil milhões de dólares à indústria da música

Inicialmente pensava-se que o YouTube tiraria receitas aos artistas, mas na verdade o serviço da Google tem-se mostrado um poderoso aliado da indústria da música.

Quando o YouTube surgiu, o medo das bandas e artistas a solo era perder receitas nas vendas dos seus álbuns. Bem vistas as coisas, quando uma pessoa pode ouvir as suas músicas favoritas gratuitamente e sempre que quiser, dificilmente vai tirar dinheiro do bolso para comprar os álbuns nas lojas. No entanto, o YouTube tem-se mostrado uma plataforma amiga da indústria da música, tendo pagado até agora mil milhões de dólares em publicidade aos artistas, que encontraram na plataforma da Google uma excelente fonte de rendimentos.

A informação foi revelada esta semana. Só em publicidade, o YouTube pagou mais de mil milhões de dólares até agora à indústria musical. Esse dinheiro teve origem nos anúncios comerciais que surgem quando os utilizadores escutam os temas na plataforma. Cada vez mais artistas estão a apostar nessa fonte de receitas, desenvolvendo os seus canais no YouTube.

O chefe de negócios da plataforma, Robert Kyncl, foi quem divulgou o montante que o YouTube já pagou à indústria mencionada, através de uma publicação no blogue oficial deste serviço da gigante das pesquisas. Kyncl acrescentou ainda que nos próximos anos o montante endereçado aos artistas e bandas deverá aumentar bastante, dado que cada vez mais a indústria da música aposta no YouTube como um veículo para promover os conteúdos que cria e oferece aos consumidores.

Atrelado a tudo isto, surge também a própria sustentabilidade da plataforma da Google, dado que a indústria musical depende cada vez mais do YouTube para ela própria sobreviver e, principalmente, crescer junto das pessoas que amam música.

Imagem: Método Infalível


Também poderão gostar