Apple quer fabricar o iPhone na Índia

A Índia é atualmente o terceiro maior mercado de smartphones do mundo, e a Apple quer obter uma fatia maior desse imenso mercado para tentar suplantar a Samsung.

A Apple está em negociações avançadas com o governo indiano para começar a produzir o iPhone nesse imenso país asiático. A notícia foi avançada pelo The Wall Street Journal, que adianta que a empresa liderada por Tim Cook enviou para os governantes indianos uma carta longa e muito bem detalhada onde expõe os seus planos, concluindo num pedido de reunião com o ministro do comércio.

O mercado indiano de smartphones cresceu muitíssimo nos últimos anos. Só os Estados Unidos e a China superam a Índia nas vendas desses dispositivos móveis, sendo que de acordo com a Gardner em 2017 serão vendidos quase 150 milhões de smartphones na Índia, baseados no Android e com preços médios de 100 euros.

No caso do iPhone, é demasiado caro para a maioria dos indianos. No entanto, caso seja produzido no seu país, os preços podem baixar e é essa a intenção da Apple, isto é, crescer na Índia para concorrer com a Samsung mais eficazmente. Os mercados emergentes são vistos como o futuro para as grandes empresas, e por isso nenhuma delas pode estar ausente desses terrenos, para não comprometerem a sua sobrevivência financeira a longo prazo.

A verdade é que a Apple chega tarde à Índia. A Samsung e a Xiaomi já lá têm fábricas, e a OnePlus também já está a caminho da nação onde nasceu o hinduísmo. Mas como a Foxconn, parceira da Maçã, já está instalada em terras indianas há algum tempo, esta chegada receberá um forte impulso e apoio inicial.

Imagem: iDownloadBlog


Também poderão gostar