Revolução Digital toca num assunto delicado: a Morte

Com a atual revolução digital, são cada vez mais as transformações nos diversos setores. Pouco a pouco, essas mudanças têm vindo a moldar o futuro na sociedade. Mas e a morte? Será que vai sofrer alguma alteração? Pode parecer estranho, mas é verdade.

Assim sendo, como vamos então lidar com a morte? Já há um exemplo da chamada ‘digitalização da morte’, com o site ‘Forever Missed’, um memorial online, onde pode deixar mensagens de carinho para um ente querido que partiu, ou mesmo acender velas virtuais. O Digital Legacy fabrica placas com QR Code para sepulturas que contenham uma página com dados da pessoa que faleceu, fotos e até mesmo vídeos e áudios.

Para além disso, e pensando na quantidade de informação que as pessoas deixam vinculada à internet depois da morte, a empresa Digital Beyond oferece um serviço que se responsabiliza pela organização das mesmas. Entre os serviços estão, por exemplo, o encerramento de contas nas redes sociais e emails, bem como tomar providências sobre serviços digitais conforme tenha sido solicitado pelo cliente. Outro serviço, e talvez melhor aceite por todos é a possibilidade de gravar uma mensagem para os seus amigos e familiares, para que possam ouvi-la quando morrer.

Talvez seja um pouco assustador pensar desta forma, mas a verdade é que são apenas algumas das transformações que podemos presenciar no futuro.Screen Shot 2017-12-15 at 17.19.51


Também poderão gostar